Menu fechado

Motoristas novatos – Como evitar multas

É assim que os jovens condutores dominam as situações perigosas.

Sejam distâncias curtas ou longas, durante o dia ou à noite, com chuva ou sol: Você só pode dirigir com rotina se já passou pelas mais diversas situações de direção e se percorreu muitos quilômetros.

Operar o veículo requer muita atenção, especialmente nos primeiros dias. Esta parte está faltando para os motoristas novatos quando se trata de perceber o que está acontecendo na estrada. Os motoristas só podem dedicar atenção total ao tráfego quando o controle do veículo se torna um tanto automatizado.

Somente quando se tem experiência, é possível evitar o recebimento de multas de trânsito.

Fique sempre legalizado

Todo motorista fica irritado quando aparecem no espelho retrovisor motociclistas ou outros motoristas agem agressivamente. Os jovens condutores podem ficar particularmente inquietos. Você precisa aprender a ter calma e reagir com calma. Também é importante dirigir sempre defensivamente e não ser um daqueles pilotos que colocam os outros sob pressão.

Muitos usuários da estrada, especialmente os jovens, não se preocupam ou superestimam sua capacidade de reação. Como resultado, eles costumam chegar perto demais. Por exemplo, um carro precisa de mais de 85 metros para parar a partir de uma velocidade de 100 – em uma estrada seca. Se a estrada estiver úmida ou escorregadia, toda a distância de parada é significativamente maior.

Os jovens condutores estão em maior risco

Estatisticamente, os jovens adultos entre 18 e 24 anos correm o maior risco de acidentes nas estradas. Em 2017, 62.966 pessoas nessa faixa etária sofreram um acidente, 394 morreram. 244 foram mortos em um carro, 91 em uma motocicleta.

Distração do telefone celular – o risco mortal

Mesmo se a velocidade e a distância estiverem certas: Os jovens condutores não devem subestimar um perigo – a distração. De acordo com estimativas do Allianz Center for Technology para 2015, uma em cada dez fatalidades no trânsito pode ser atribuída à distração.

Os adultos jovens muitas vezes perdem o controle do carro. Para que isso não ocorra:

● Não superestime suas habilidades.

● Participe de um curso de treinamento de segurança para motoristas novatos. Algumas seguradoras oferecem descontos para motoristas que nunca tiveram uma multa de trânsito.

● A proibição absoluta do álcool se aplica a todos os momentos, inclusive nas aulas de direção.

● Não se sente em um carro com um motorista bêbado. Se você notar que alguém está embriagado, impeça-o de dirigir.

● Sente-se de maneira confortável e sempre se lembre de ajustar-se ao volante de um veículo.

 ● Não se distraia. O melhor a fazer é desligar o telefone e colocá-lo no bolso. Assim, você terá rapidamente todas as informações te esperando após a viagem. É proibido pegar no celular durante a condução.

● Conduza apenas com o cinto de segurança colocado. Cuide também dos seus passageiros.

● Como motociclista, nunca fique sem sua roupa de proteção e capacete. Como um ciclista, use um capacete de bicicleta.

● Conduza com calma, não se coloque sob pressão e mostre consideração pelos outros utentes da estrada.

● Tente se colocar no lugar dos outros usuários da estrada. A tolerância e o comportamento atencioso são particularmente importantes no tráfego pesado.

● Geralmente, ajuste sua velocidade de acordo com a visibilidade, o clima e as condições da estrada – especialmente no outono e inverno.

● Espere que outros usuários da estrada cometam erros a qualquer momento.

● Antes e durante a curva, lembre-se sempre de olhar por cima do ombro e estar atento a ciclistas e pedestres.

● Faça contato visual com os pedestres quando eles quiserem atravessar a rua.

Após o período de teste, o próximo teste começa

Durante o período de permissão para digirir, os jovens condutores costumam ter o cuidado de se comportar com responsabilidade. Depois disso, porém, eles tendem a ser descuidados. Além do uso proibido de telefones celulares, adolescentes dispostos a correr riscos e com velocidade inadequada levam a situações perigosas evitáveis, segundo constatam pesquisadores de acidentes.

A experiência de dirigir é o melhor seguro de vida

Se os pais desejam apoiar seus filhos na direção segura, não devem hesitar em entregar as chaves do veículo e dar-lhes a carteira de habilitação aos 18 anos como parte de uma relação de confiança.

Não há melhor maneira de permitir que os jovens se beneficiem da experiência de usuários experientes das estradas. Além disso, passam a conhecer mais situações de condução diferentes.

E pode ser divertido aprender algumas noções de trânsito com seus pais. É claro que um parente ou um bom conhecido também pode assumir o papel de educador experiente. Em viagens longas, como em férias, os motoristas novatos alternam de preferência com os motoristas experientes.

Ajudantes em vez de professores seniores

Os pais não devem assumir o papel de instrutores de trânsito. A pessoa ao volante aceita apenas informações sobre perigos ocultos e riscos típicos, bem como dicas sobre o estilo de direção, se não ficar incomodada. Conversar e corrigir constantemente é contraproducente.

A correção ativa é até expressamente proibida. O acompanhante deverá, de acordo com o regulamento da carteira de habilitação, “estar disponível apenas como pessoa de contato para transmitir segurança na condução do veículo”. Se o jovem condutor deixar claro que precisa de repouso para se concentrar, o acompanhante deve aderir. O estilo de condução ou uma manobra de condução específica também podem ser discutidos com mais detalhes após a viagem conjunta.

Ganhe experiência com diferentes veículos

Os motoristas novatos costumam dirigir carros antigos. Por exemplo, com o modelo sem uso dos pais ou avós ou um modelo usado mais velho e barato. Os jovens condutores devem ter em mente que os carros antigos têm requisitos especiais; especialmente se houver várias pessoas a bordo.

Mas mesmo com os modelos de veículos atuais, os motoristas novatos precisam se acostumar com isso, porque os veículos modernos aceleram rapidamente e são tão silenciosos ao mesmo tempo que o motorista quase não percebe a velocidade.

A este respeito, aplica-se o seguinte: respeite os limites de velocidade e também adapte sempre a sua velocidade às condições exteriores (traçado / estado da estrada, condições meteorológicas, etc.).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *